domingo, 12 de dezembro de 2010

Estado e Poder - II


Estael David de Menezes Neto







Bom , eu não fui obviamente o primeiro a pensar sobre o porque da criação do estado e como é o poder que atua sobre nós , é claro. Thomas Hobbes e John Locke acreditavam que a sociedade era uma forma dos homens se protegerem deles mesmos , de seus instintos , de sua natureza real , dai se pode abstrair que o governo tinha papel intermediador entre os seres humanos , de forma a regular suas relações , pelo uso das leis e principalmente da força , através da criação de um exército , que pudesse colocar em ordem os locais que não se submetessem a suas leis , como ocorre hoje em dia , sempre com o pretexto de ser a voz do povo , de serem os representantes do povo em busca da felicidade coletiva. Foi Nietzche que disse que o estado era um monstro que profere as maiores mentiras e entre ela está a de dizer que é o representante do povo. Jean Jacques Rousseau não concordava com essa teoria e dizia que aquele que se acha senhor de alguém é tão escravo quanto esse. Dizia em "O Bom Selvagem" , que homem é bom e a sociedade é que o corrompe .

Rousseau disse isso para uma sociedade que achava muito útil as terias de Locke e Hobbes, dai vindo a perseguição a Rousseau , que era um incômodo a elite dominante da época. Bom , como já falado no
1º Post , o conhecimento era para poucos , mas com a introddção da impressão moderna , por Gutenberg , tudo mudou . Os livros que antes eram manuscritos por escribas , monges copistas e pessoas que dedicavam boa parte do seu tempo a prática da escrita agora eram feitos de uma forma mais rápida , eficaz e barata, o que levou a ser uma figura chave para o acontecimento da Renascença , Revolução Científica , Reforma ,além de dar bases para a econômia baseada no conhecimento e a disseminação da aprendizagem para o povo. Gutemberg abriu caminho para uma nova era , para a era do conhecimento em que estamos . Penso que não havia muito interesse por parte do restante da elite(pois Gutenberg era filho de um rico comerciante) que uma invenção como essa fosse criada , pois geraria pensadores e não apenas bom trabalhadores , como eles querem que sejamos . Isso atrapalharia o andamento dos negócios. Desde o momento que o povo tinha acesso aos livros agora tinha outra coisa a ser pensada pelas classes dominantes: "Bom , como podemos fazer para que eles permaneçam na ignorância sem saberem?" . Começou então uma grande difusão do velho Pão e Circo como se fosse algo modermo, a ser copiado e reproduzido . Vem a moda , perguntas inúteis com hipóteses mais inúteis ainda para a nossa vida , histórias como:" Foi descoberto que o imperador tal tinha a boca torta e por isso só comia mamão!" , "Quem foi o ator tal em vidas passadas?" , "Quantos sapatos tem fulano ou sicrano?" .

Usam a TV , que deveria ser usada como uma forma de instruir as massas , para nos encher de futilidades e nos tirar do foco de nossa vida . O Sentido agora é nos entupir de informações inúteis , bombardeando o cérebro com besteira , para que as poucas informações úteis deixemos passar! É horóscopo , karma , talismãs , cartas , magias , mágicas , vidas passadas e filmes , muitos filmes : A grande maioria inúteis! O cérebro , cheio de informação , acaba tendo de eliminar as antigas para a entrada das novas informações , começando a lavagem cerebral. Nos conectamos em várias vidas que não a nossa : Twitter , Facebook , Orkut , MySpace , Badoo , MSN , formspring... O.K., muitas dessas redes sociais são fundamentais para alguns , mas boa parte do que se fala , é inútil , como se expor na redes , colocar suas fotos e tentar mostrar na maior parte do tempo o quão boa é a sua vida e o quão bonito(a) , legal , inteligente , boa praça , você é! Jogos são aos montes e tenho que dizer que adoro jogar video-game e jogos de PC quando posso , mas é outra maneira de perdermos tempo , mesmo que isso possa ser uam atividade relaxante e anti-estressante , fora benefícios como raciocínio lógico e aplicações na aprendizagem , em sua grande maioria , dos jovens . Mas é como tudo na vida: Tem que ter limite.

Agora a ignorância é mascarada de cultura e as verdades são reveladas pelos que estão no poder , que procuram ser bastante parciais , parecendo não ser . Utilizam a política do medo para mostrar o quão perigosos são os que vem de fora , os que lhes oferecem concorrência , perigo , na verdade . Dai , como heróis de um inimigo que eles mesmos criaram , mostram que a solução é tirar cada vez mais nossa liberdade e direitos , para o nosso próprio bem , da sociedade como um todo. O Estado, que foi criado para criar um mundo melhor agora quer que o mundo melhore o estado , ajudando a enriquecer os ricos e emprobrecer ainda mais os pobres , apelando pelo que temos de mais terrivel: O individualismo. Sabe a diferença entre o ladrão de galinhas e o advogado sem ética rico? Um rouba sem o sem saber das leis e pensa pequeno e o outro rouba amparado pelas leis e sonha grande. Uma caneta de um bom advogado vale mais que o revolver de um ladrão de merceárias , além dos riscos serem muito menores . Precisamos nos unir para sustentar nossas causas , pois nós sim somos o povo . Procure conhecimento , leia livros de pensadores e autores realmente conceituados , não autores de histórias fantasiosas sem compromisso com a realidade . Procure informação útil e tudo se abrirá pra você . Nunca procure o caminho mais fácil , pois pode ser perigoso. Tenha planos para o amanhã , mas seu foco é o hoje e duas palavras: Confiança e Paciência , que tudo lhe será dado no tempo certo.

1 comentários:

Antônio Vinícius disse...
13 de dezembro de 2010 14:57  

Cara, mandou ver. Realmente, já parei pra pensar sobre isso. Hoje em dia temos que absorver muita informação inútil, acaba que não somos bons naquilo que realmente deveríamos aprender. Nesse sentido, concordo plenamente com você que destaque mesmo mereciam os filósofos gregos, que dedicavam seu tempo única e exclusivamente à arte do conhecimento. Infelizmente, o mundo capitalista atual não nos permite fazer isso.

Também achei muito interessante quando você falou de estarmos conectados a vidas que não são as nossas, através das redes sociais. Se você parar pra ver a quantidade de informações desinteressantes que circulam no Twitter, realmente não dá vontade de seguir certas pessoas. Falo isso porque se você entrar no meu Twitter, você verá que eu sigo não sei quantos jornais. Eu uso o Twitter para me manter informado. É uma fonte maravilhosa de informações, desde que você saiba utilizá-la, fazendo um contraponto com o que você falou.

No mais um excelente texto. Não vou comentar tudo porque ele é bastante denso de informações. No mais, excelente construção, articulação de várias idéias, citação de vários pensadores, gostei bastante.

Relacionar a invenção da imprensa com a era do conhecimento também achei impressionante. Sempre associam a era do conhecimento à invenção do computador ou da Internet, mas sua visão histórica foi muito mais longe. Muito bom mesmo, meus parabéns!

Um abraço meu querido, a gente se vê no IFS.